REINVENTAR A FORMA
DE COMPRAR CASA

Segundo os dados do INE, com os anos comprar casa em Portugal tem ficado cada vez mais caro, uma tendência que se tem transformado num verdadeiro problema habitacional. Própria é um novo projeto de habitação que pretende afirmar-se no mercado imobiliário nacional como uma solução viável para este problema. A proposta assenta no modelo de compra – o modelo participativo, que representa uma mudança de paradigma no setor imobiliário.

“Pretendemos fornecer casas para a classe média em Lisboa praticamente a preço de custo,
para ajudar a resolver o problema da falta de habitação”.

Rui Coelho, Adminstrador Própria

O QUE FIZEMOS

· Research & strategy
· Positioning
· Brand system
· Naming
· Brand voice
· Identity & design

DESAFIO

O primeiro desafio com que nos deparámos foi a definição do posicionamento.
O cidadão comum não está familiarizado com o modelo de compra em questão. O modelo participativo ou colaborativo não é uma cooperativa. Nem uma plataforma de crowdfunding. Muito menos um projeto de co-living. Esgotadas as expressões existentes, era preciso cunhar uma que clarificasse perfeitamente o que modelo representava e permitisse distinguir de outros conceitos semelhantes.

Mais do que ser criativo, pretendia-se clareza e transparência. “Co-investimento imobiliário” foi a expressão encontrada para resolver o posicionamento.
Para o naming, focámo-nos no benefício emocional do projeto: o empoderamento de quem acreditava ser impossível comprar casa própria.

IDENTIDADE VISUAL

Simples e moderna tem como inspiração os desenhos técnicos associados à planta de uma casa, realçando o sentido de propriedade inerente ao projeto.

O projeto conseguiu angariar co-investidores para a totalidade o empreendimento, ou seja, 38 apartamentos, num tempo recorde (Maio a Julho de 2019), com investimento mínimo.
Desde Agosto 2019, Própria tem continuado a ser contactada por interessados em co-investir no empreendimento, tendo neste momento uma lista de espera com mais de 300 potenciais co-investidores.